terça-feira, 26 de julho de 2011

quinta-feira, 14 de julho de 2011

Passagens de luz - próxima exposição individual inaugura em 23 de julho, no Fórum de Arte e Cultura de Espinho



Maria Eduarda Aguiar da Fonseca nasceu em Paços de Ferreira e vive actualmente em Lisboa, depois de ter residido, com a família, em terras do interior do país, de norte a sul, e de ter trabalhado em Luanda, Londres, Paris e Genebra.
Docas é o "petit nom" que adoptou na infância.
Começou a pintar a óleo e, mais tarde, a acrílico, como passatempo, por puro prazer, para si própria. Frequentou um curso de pintura na ARCO, em Lisboa, tendo por orientador António Senna. Durante décadas, foi fazendo ensaios em vários domínios das artes plásticas, da fotografia. Enveredou pelos caminhos do "naif", do abstracto, do realismo. Gosta de transpor para as suas telas ambientes captados pela objectiva, recriando e reinventando pormenores, cores, sombras e luzes, ou incorporando dados visuais de proveniência diversa, que convivem em novas composições.
A luz e a sombra alternam, em permanente diálogo de contrastes, na sua pintura de paisagens e da ambiência harmónica do interior das casas. A ausência das pessoas é uma constante – e adivinha-se, sente-se, naqueles recantos da sua intimidade, como que a denunciar a necessidade ou penosa obrigação de estar em outros lugares. Mas os espaços, despidos embora da sua presença, falam sobretudo delas, dos seus gostos estéticos e modos de viver. E anunciam um regresso, um reencontro, que há-de preencher o vazio…
Passagens de luz entre sombras, gente que vai e vem, memórias, vivências guardadas entre sólidas paredes e quietos jardins...

Docas participou numa exposição colectiva, pela primeira vez, em 2006 na cidade de Espinho, onde se habituou a passar férias, desde os tempos da infância.

Exposições colectivas
2007 Na galeria da Junta de Freguesia de Espinho - 2010 - "Stockart", Oeiras - 2011
Bienal "Mulheres d’Artes", Museu Municipal de Espinho
Exposições individuais

2009 "Geometria da Luz", Biblioteca de Oeiras - 2010 "Lugares de Ausência", Clube Recreativo Avintense - 2010 - "Em movimento", Clube Recreativo Avintense.